Ah, a maternidade! A realização de sonho da vida de uma mulher! (ou pelo menos a maioria!)

Várias amigas ficaram grávidas juntas e sempre via todas elas falando de enxoval de bebê, de mala de maternidade, de decoração, disso e daquilo. Quando foi a minha vez, tinha muita informação sobre a maioria das coisas de bebê e do seu quartinho, mas e eu? O que eu precisava comprar para mim, antes, durante e depois da gravidez?

Depois de pesquisar várias sugestões e copiar várias delas, acabei decidindo por mim mesma, o que eu considero ideal e o que eu não acho necessário.

Logo que eu ganhei neném, uma amiga logo engravidou e me perguntou sobre amamentação (assunto para outro posto) e junto com o tema, falamos sobre sutiã de amamentação, camiseta/camisa e vestido de amamentação,  pijamas e sobre camisolas com bojo tanto para o hospital como para o dia a dia, após a chegada do bebê.

Para mim, um no go são as camisetas ou qualquer peça externa de amamentação. Não achei prático aquelas camisetas ou vestidos com dois forros e blá, blá, blá que te permite colocar o seio para fora sem arrancar a camisa. Vi que não precisei aposentar minhas camisetas, e erguê-las davam o mesmo efeito, sem extra volume e panos para lá e para cá.

Já os sutiãs de amamentação, ah esses eu usaria para sempre! Confortáveis demais, tecido resistente a várias lavagens, palas e alças largas que  não marcam e não machucam, enfim, uma peça super amiga das mamães. Comprei os meus na amazon e não me arrependi. São desse modelo abaixo:

Já a camisola de bojo removível, também foi para mim um aliado, por causa da amamentação noturna e do excesso de leite dos primeiros dias. Como sofri cesária, optei pela camisola (e não pijama com calça) que você pode colocar pads de absorção no lugar do bojo e depois que as coisas voltam ao normal, você não vai precisar deixar de usar essa peça.

Então, minha dica é: use o que você tem e compre o que precisa de forma que você possa continuar usando depois também, sem ter aquela cara de peça de maternidade!

É fácil se encantar com tanta novidade e beleza do mundo da moda materna, mas no final das contas, tudo o que você quer é simplesmente conforto!